A arquitetura e a engenharia desde sempre se beneficiam do uso da tecnologia, que facilita desde a concepção do projeto ate a construção e manutenção do mesmo. Um bom exemplo dessa tecnologia são os programas utilizados para desenho técnico e modelagem em 3D. Desde que eles surgiram o trabalho dos arquitetos tornou-se muito mais prático e menos trabalhoso, pelo menos nessa parte gráfica. Mas, a tecnologia não para de oferecer novas alternativas cada vez mais avançadas, como é o caso do sistema operacional BIM, que vamos conhecer agora.

BIM_arquitete_suas_ideias_01

A tecnologia BIM (Building Information Modeling) veio para revolucionar os programas que até hoje eram utilizados no mundo da engenharia e arquitetura. Com ele, é possível criar um protótipo digital, ou seja, um modelo que simula o edifício e permite entender o seu comportamento e suas necessidades antes mesmo de ser construído. Antes do BIM, só conseguíamos criar modelos para facilitar a visualização do projeto, portanto, eram apenas desenhos e volumes geométricos texturizados que melhoravam a compreensão do mesmo. Com esse novo tipo de software, podemos fazer muito mais do que isso.

BIM_arquitete_suas_ideias_02

Além de criar visualizações realísticas do edifício, com a tecnologia BIM e possível pensar na concepção do projeto, nos detalhes construtivos, na quantificação dos materiais, nos acabamentos finais, e ainda simular interferências internas e externas e cálculo de eficiência energética. Isso significa que ao desenhar uma parede você não está desenhando apenas uma linha, e sim uma representação digital de uma parede real (você escolhe o tamanho da parede, o material, a quantidade de reboco, etc). E além do projeto arquitetônico, você pode integrar a este modelo o projeto hidráulico e elétrico de uma casa, por exemplo.

BIM_arquitete_suas_ideias_03

Uma das grandes vantagens do sistema BIM, é que se você alterar algo na sua planta baixa por exemplo, essa modificação será automaticamente reproduzida na sua fachada, no corte, na perspectiva em 3D, sem necessidade de ficar redesenhando todas elas. Logo, se você quer adicionar uma janela ou mudar uma porta de lugar, você poderá fazer isso de uma maneira super simples, evitando possíveis erros. O BIM nos permite calcular o orçamento nas diversas fases da construção e até depois disso, ajudando a diminuir os custos operacionais e de gerenciamento que a edificação possui durante todo seu ciclo de vida.

BIM_arquitete_suas_ideias_04

Você já usou a tecnologia BIM? Qual a sua opinião sobre ela? Deixe nos comentários!

Fontes texto: Fonte 1  Fonte 2  Fonte 3

Fontes Imagens: Imagem 1 Imagem 2  Imagem 3  Imagem 4

E  não esqueça de dar uma mãozinha para o Blog! Ajude e vote, a votação está acabando!

topblog 2015

Clique em votar, depois em “não sou um robô” e finalize votando no Blog.